Governo leiloa 100 MW de energia solar flutuante em Alqueva

Governo leiloa 100 MW de energia solar flutuante em Alqueva

O encontro com o secretário de Estado Adjunto e da Energia, João Galamba, ocorrido esta semana em Lisboa, serviu, entre outros assuntos, para informar que o Governo pretende leiloar a exploração de 262 megawatts (MW) de energia solar em sete barragens portuguesas, entre elas, o Alqueva com 100 MW, considerado para o secretário de Estado “o maior projecto de solar flutuante do mundo”, de acordo com a agência Lusa.

Na mesma conferência, João Galamba referiu ainda que no leilão “serão apenas colocados 262 MW em sete diferentes barragens: Alqueva, Castelo de Bode, Cabril, Alto Rabagão, Paradela, Salamonde e Tabuaço, As áreas ou capacidade disponível vão desde o mínimo de 8 MW na barragem de Salamonde até 100 MW na barragem de Alqueva”, referiu o secretário de Estado Adjunto e da Energia em declarações à Lusa.

Sobre o Ministério do Ambiente e Acção Climática, o secretário disse ainda no mesmo encontro, que no caso da barragem do Alentejo, o leilão “a ser ganho por um único projecto, será o maior projecto de solar flutuante no mundo”.

A destacar ainda que o projecto Fotovoltaico Flutuante do Alqueva, em parceria com a EDP, é um dos mais inovadores projectos de energia solar de sempre, composto um parque flutuante com mais de 11 mil painéis fotovoltaicos na albufeira da barragem do Alqueva.

Redacção
ADMINISTRATOR
PROFILE